BA: ABACAXI É TEMA DE SEMINÁRIO EM ITABERABA, DIZ EMBRAPA

BA: ABACAXI É TEMA DE SEMINÁRIO EM ITABERABA, DIZ EMBRAPA

Itaberaba/BA
No dia 23 de agosto, a Embrapa Mandioca e Fruticultura realiza, em parceria com a prefeitura de Itaberaba (BA), o seminário “A cadeia produtiva de abacaxi no semiárido – gargalos e soluções”. O evento, que tem como público-alvo agricultores, empresários rurais, professores, pesquisadores, estudantes, técnicos e outros agentes da cadeia produtiva de abacaxi, será no auditório do Colégio Luís Eduardo Magalhães.

Com o objetivo de apresentar, discutir e transferir conhecimentos e tecnologias sobre técnicas de cultivo e outros aspectos relevantes da cadeia produtiva de abacaxi na região semiárida, a programação conta com palestras de pesquisadores da Embrapa Mandioca e Fruticultura e mesas-redondas com a participação  de produtores e representantes de outras instituições. Domingo Haroldo Reinhardt e Francisco Alisson Xavier vão falar sobre o manejo da cultura do abacaxi. A fusariose e a murcha do abacaxi são tema da apresentação de Aristoteles Matos. Davi Junghans vai abordar a diversificação de cultivares e o gargalo do material de plantio  Como produzir abacaxi em sistema orgânico e aspectos relacionados à qualidade do fruto na pós-colheita são os assuntos a serem tratados por Tullio Pádua e Fabiana Sasaki, respectivamente.

Haverá também dois painéis. O primeiro será sobre o tema “Integração de abacaxi e leite”, com a participação do produtor Joelson da Silva Bastos (Cooperativa Nacional de Produção e Agroindustrilização – Coopaita) e do zootecnista Aberlândio Pereira e mediação de Alberto de Almeida Alves (Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural – Bahiater), O outro painel, intitulado “Dificuldades e propostas para o progresso da cadeia produtiva de abacaxi”,  será mediado por Vinicius Costa (Agência de Desenvolvimento Agropecuário do Estado da Bahia – Adab/Grupo Gestor de Abacaxi de Itaberaba),  e contará com apresentações de Daniel de Cerqueira (Coopaita), o produtor Irapuã Oliveira, de Umburanas (BA), Quionei Araújo Silva, da Casa Familiar Rural de Presidente Tancredo Neves (CRF-PTN) e Fernanda Vidigal, pesquisadora da Embrapa Mandioca e Fruticultura.

As atividades integram o escopo de ações do projeto Gestfrut (Estabelecimento de uma rede de pesquisa, transferência de tecnologia e inovação para a fruticultura do estado da Bahia, com base na articulação, gestão e comunicação), financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (Fapesb). A coordenação do evento é de Haroldo Reinhardt, líder do Gestfrut, Davi Junghans e Alberto Almeida.

 

SERVIÇO

Evento: Seminário “A cadeia produtiva de abacaxi no semiárido – gargalos e soluções”

Data: 23 de agosto (sexta)

Horário: 8h às 17h

Local: Colégio Luís Eduardo Magalhães

Programação

Fonte: Embrapa Mandioca e Fruticultura

Compartilhe este post