PA: EMBRAPA REALIZA CURSO SOBRE PROPAGAÇÃO DE FRUTÍFERAS EM BELÉM

PA: EMBRAPA REALIZA CURSO SOBRE PROPAGAÇÃO DE FRUTÍFERAS EM BELÉM

Belém/PA
Diversas técnicas de propagação de espécies frutíferas nativas e cultivadas na Amazônia são tema do 5º Curso Prático que a Embrapa Amazônia Oriental realiza no período 10 a 14 de junho, em Belém. O curso é destinado a produtores rurais, técnicos em geral e extensionistas dos municípios do nordeste paraense, com foco na profissionalização e fortalecimento da fruticultura na região.

Entre os objetivos do curso está a melhoria da qualidade dos frutos e o incremento à produtividade das plantas, pois a produção da fruticultura valorizada é um elemento essencial ao desenvolvimento sustentável, fortalecendo o conceito da floresta em pé que gera renda às comunidades e toda a Amazônia, conforme explicou a pesquisadora Walnice Oliveira, uma das organizadoras da formação.

O 5º Curso Prático Propagação de Espécies Frutíferas Nativas e Cultivadas na Amazônia contempla, em sua programação, as seguintes espécies: bacurizeiro (Platonia insignis), muricizeiro (Byrsonima crassifolia), cupuaçuzeiro (Theobroma grandiflorum), abieiro (Pouteria caimito), taperebazeiro (Spondias mombin), pequiazeiro (Caryocar villosum) e castanheira-do-brasil (Bertholletia excelsa). Além de espécies introduzidas de outros países e cultivadas na Amazônia como a ramboteira (Nephelium lappaceum), o mangostãozeiro (Garcinia mangostana) e o abricoteiro (Mammea americana).

Em etapas teóricas e práticas será demonstrada parte do resultado de décadas de pesquisa realizada pela Embrapa Amazônia Oriental com considerável acervo de tecnologias sobre as técnicas de propagação.

São técnicas ainda pouco utilizadas pelos agricultores em razão de não dominarem os métodos recomendados, a exemplo da aceleração da germinação de sementes de espécies que apresentam dormência, mas principalmente, práticas para a propagação assexuada por meio de enxertia, estaquia e alporquia. Durante o curso também será demonstrada a tecnologia de substituição da copa de algumas fruteiras, tais como o cupuaçuzeiro.

O curso é realizado pela Embrapa em parceria com o IdeflorBio, por meio dos projetos Melhor Fruta e Grandiflor.

Participam como palestrantes os pesquisadores da Embrapa José Edmar Urano de Carvalho, Rafael Moysés Alves, Walnice Oliveira, com participação de Benito Barbosa Calzavara (IdeflorBio). Na equipe do evento integram Álvaro Malcher Henriques, Antônio Miranda Pinheiro, Manoel Oliveira de Carvalho, Roberto Jerônimo de Souza e Mazillene Borges.

Fonte: Embrapa Amazônia Oriental

Compartilhe este post