RS: VIDEIRA É DEBATIDA DURANTE ENCONTRO MICRORREGIONAL EM SÃO VALENTIM, DIZ EMATER/RS

RS: VIDEIRA É DEBATIDA DURANTE ENCONTRO MICRORREGIONAL EM SÃO VALENTIM, DIZ EMATER/RS

São Valentim/RS

A produção de uva e vinho esteve em debate durante o Encontro Intermunicipal de Videiras que reuniu, na última quinta-feira (14), em São Valentim, produtores de dez municípios da região do Alto Uruguai, além de especialistas e lideranças políticas.

“É um evento técnico importante para que os produtores tirem dúvidas e obtenham conhecimento”, disse o gerente da Emater/RS-Ascar da região de Erechim, Gilberto Tonello.

O encontro é um desdobramento de um trabalho que vem sendo feito na região para qualificar a produção de uva e vinho e inserir esses produtos no mercado gaúcho. Essa iniciativa tem o apoio da Emater/RS-Ascar, Sicredi e prefeitura de São Valentim.

“Esta atividade agrega valor e a prefeitura é parceira de eventos como este”, disse o vice-prefeito do município, Clacir Rigo.

 

Mercado

De acordo com o engenheiro agrônomo da Emater/RS-Ascar, Carlos Angonese, quem está no negócio pode agregar valor de diversas maneiras. Ele citou a venda de uva in natura, em passas, cristalizadas, em forma de suco, vinho ou vinagre.
Um mercado bastante promissor seria o mercado institucional, em que o governo é o cliente. Segundo o engenheiro agrônomo da Emater/RS-Ascar, Luiz Angelo Poletto, a uva e seus derivados fazem bem à saúde, por isso seriam bem-vindos nas escolas. A venda para a merenda escolar poderia ser viabilizada por meio do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae).

 

Cuidados

O engenheiro agrônomo da Emater/RS-Ascar, Enio Todeschini, da região de Caxias do Sul, fez um alerta sobre os tratamentos fúngicos nas cultivares de parreiras.

“O consumidor está cada vez mais exigente. Mais de 90% dos clientes, no momento da compra, buscam por produtos com qualidade”, completou o colega, engenheiro agrônomo Poletto.

 

Produção

A região do Alto Uruguai tem potencial para aumentar em 20 hectares a produção de videiras. No município de São Valentim, segundo Poletto, a previsão é de aumento de 5 hectares com novas áreas ainda neste ano.

Participaram do Encontro Intermunicipal de Videiras produtores de São Valentim, Ponte Preta, Charrua, Barra do Rio Azul, Erechim, Aratiba, Floriano Peixoto, Barão de Cotegipe, Itatiba do Sul e Benjamin Constant do Sul.

Fonte: Emater/RS

Compartilhe este post