SC: PRONATEC FORMA PRODUTORES RURAIS NA ÁREA DE FRUTICULTURA NO MUNICÍPIO DE MARACAJÁ, DIZ FAESC/SENAR

SC: PRONATEC FORMA PRODUTORES RURAIS NA ÁREA DE FRUTICULTURA NO MUNICÍPIO DE MARACAJÁ, DIZ FAESC/SENAR

Maracajá/SC
Com o objetivo de proporcionar oportunidades de estudo para os trabalhadores do campo, recentemente o Programa Nacional de Acesso ao Ensino e Emprego (Pronatec) formou produtores rurais, de Maracajá, no Sul do Estado, no curso de Fruticultor. A iniciativa foi demandada pelo Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento e ofertado pelo Sistema formado pela Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/SC) com parceria do Departamento Municipal de Assistência e Bem-Estar Social do município e do Sindicato Rural de Araranguá.
Os alunos participaram de solenidade de entrega de certificados. Em 200 horas/aula, os participantes receberam conhecimentos sobre produção de mudas, tipos de solos, nutrição vegetal, irrigação e colheita, entre outros. As aulas foram ministradas pelo prestador de serviço em instrutoria do Senar/SC e engenheiro agrônomo Arisson Generoso.

A coordenadora do Pronatec no Senar/SC, Gisele Kraieski Knabben, explicou que os participantes conheceram aspectos relativos a produção de mudas, solos e nutrição vegetal. “Durante as aulas eles aprenderam a selecionar e demarcar área para plantio, implantar pomares, realizar tratos culturais e manejo, além de executar atividades relacionadas a irrigação e colheita, sempre atendendo a legislação vigente”.

O presidente do Sindicato Rural de Araranguá, Rogério Pessi, enfatizou a dedicação dos participantes e salientou que capacitação é o foco principal da sua entidade. De acordo com a supervisora do Senar/SC na região Sul Sueli Silveira Rosa o resultado do curso, com certeza, é sentido no dia a dia dentro das propriedades rurais, uma vez que os alunos adquiriram informações atuais e relevantes para o manejo da fruticultura, contribuindo para a melhoria da produção. “O interesse em buscar qualificação é um diferencial para esses produtores rurais”.

O superintendente do Senar/SC Gilmar Antônio Zanluchi salientou que o Pronatec atende uma demanda de formação rural para as propriedades, contribuindo para a profissionalização, integração social, melhoria da qualidade de vida e para o pleno exercício da cidadania.

“Os cursos levam conhecimento ao produtor rural, o que contribui para a mobilidade social e agregação da renda. Essa é a nossa missão”, complementou.
O prefeito Arlindo Rocha disse que o município é sempre parceiro, quando se trata de cursos de capacitação, pois conhecimento é o caminho para o desenvolvimento em todas as instâncias.

Fonte: Sistema Faesc/Senar-SC

Compartilhe este post